racismo

DEM não VOTE!!!!

Queridos leitoras/es,

Estamos aqui para partilhar com vocês algumas opiniões sobre as eleições da cidade de Salvador, cidade tão querida por todos nós e que, literalmente, está abandonada pelo prefeito  João Henrique. Dentro de poucas semanas os soteropolitanos, cuja maioria são afrodescendentes, terão que tomar uma decisão difícil. Isso se deve ao fato que a escolha do futuro prefeito, e do futuro partido que guiará a cidade, não é tão óbvia e clara. As promessas se repetem, assim como os candidatos. A única certeza que cresceu é a decepção por aqueles que fazem politicagem e  que depois apontam para nós cidadões como os  ignorantes que fizeram as escolhas erradas.

Ora, tudo isso não é novidade e não queremos continuar na descrição daquilo que já é notório. O que nos levou a escrever este artigo é perceber que precisamos encontrar critérios para poder escolher os nossos representantes.

Como  Centro de Pastoral Afro, que acompanha e promove a inclusão na sociedade brasileira do povo afrodescendentes, sentimos a obrigação de alertar na escolha do partido do DEM.

O (PFL) Democratas atualmente é um dos mais fortes partidos políticos do Brasil Colonial embora tenha perdido força depois de ser derrotado pelo PT, atualmente o governo que mais se esforçou de combater a corrupção e que é representado pela mídia brasileira como o mais corrupto.

Segundo o TRIBUNAL SUPERIOR ELEITORAL – TSE , o ranking da corrupção no Brasil foi o seguinte, medido pela quantidade de políticos cassados por corrupção desde 2000:

1º) DEM (69);

2º) PMDB (66);

3º) PSDB (58);

4º) PP (26);

5º) PTB (24);

6º) PDT (23);

7º) PR (17);

8º) PPS (14);

9º) PT (10);

10º) PV, PHS, PRONA, PRP (1)

Dos 623 que foram cassados, quatro eram governadores e vices: Flamarion Portela, de Roraima, e Cássio Cunha Lima, da Paraíba, mantido no cargo por força de liminar do TSE. Os demais são senadores e suplentes (seis), deputados federais (oito), deputados distritais (13), prefeitos e vices (508) e vereadores (84).

De acordo com a pesquisa, o DEM é o partido que lidera o ranking (69), reunindo 20,4% dos políticos cassados. O PMDB (66) aparece logo depois, seguido por PSDB (58), PP (26), PTB (24), PDT (23), PR (17), PPS (14) e PT (10). Na última posição está o PV (1), empatado com PHS, Prona e PRP.

No que diz respeito a outras importantes leis e projetos votados, vale citar:

Foi Demóstenes Torres do DEM (o segundo senador da história brasileira a ser cassado a e o primeiro congressista a cair por envolvimento com o caso Cachoeira) que promoveu, em nome do partido, uma ação judicial contra a costitucionalidade das cotas nas universidade públicas brasileiras.

No processo de aprovação do Estatuto da Igualdade Racial o “O DEM recorreu no STF contra a reserva de 20% das vagas para ingresso de pretos e pardos na Universidade de Brasília (UnB); contra a cota para a concessão de bolsas à mesma população pelo Programa Universidade para Todos (Prouni); e contra o decreto que regulamenta os procedimentos para titulação de terras quilombolas”, Da redação, Luana Bonone, com Folha de S. Paulo e CTB (do portal www.vermelho.org.br).

Ora, não é de nossa competência julgar os motivos que levaram Célia Sacramento a aceitar o cargo de vice prefeita, mas como é possível que um deputado federal cujo partido fez de tudo para travar anos de diálogo para a inclusão do povo afrodescendente, se diga hoje defensor das cotas? Como é possível que um deputado que nasceu em berço de ouro possa compreender e queira resolver as desigualdades raciais que marcam a urbanização e a discriminação dessa cidade? Como é possível votar num candidato que se diz defensor da cidade e raramente abraça e passa seu tempo com a população da periferia (que na sua maioria é negra).

É por esse motivo que colocamos a foto do candidato disfarçado de palhaço, porque os palhaços tem a função de: mentir e fazer a gente rir. Mas o pior é que o ACM Neto e o seu partido quer nos fazer de palhaços.

Nós do CENPAH convidamos nossos leitores soteropolitanos a refletirem sobres os fatos e não sobre as promessas eleitorais, que já sabemos terão dificuldades enorme para serem realizadas.

Portanto, reiteramos nossas rejeição ao canditato ACM Neto, da família Magalhães.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s